Darryl Anka– A Arte da Canalização — workshop pt 21

e é muito importante vocês perceberem que quando se comprometem com a recepção dessa energia, isso significa uma mudança em seu estilo que vai permear todos os aspectos de sua vida. Acreditem, essa energia vai amplificá-los e acelerá-los naquelas situações em que vocês poderão ter agido de forma diferente anteriormente , vai permitir que vocês entendam como aquelas situações lhes serviram. E se mantiverem o mesmo nível de atitude ou comportamento em todas as relações, em todos os relacionamentos, em todas as circunstâncias de sua vida em que vocês se dão a capacidade de sentir ao participarem das meditações e dos exercícios, vocês conseguirão — se fizerem tudo isso — ver um grau de impacto grande, uma notória aceleração e perceberão também o enorme efeito que essas meditações e exercícios causarão à sua vida, de forma muito óbvia e profunda. Mas se vocês “quebrarem” essa corrente de energia de uma hora para outra, perceberão que acontecerá um bloqueio terrível do “carregador”  que romperá com os benefícios que os exercícios lhes trouxeram, pois a energia não será capaz de prosperar em um ambiente hostil dessa forma, ou mesmo em um ambiente contraditório. Esse é o primeiro ponto, muito crítico por sinal.

Assim, eu lhes desejo o melhor. Permitam-se confiar que ao manterem essa energia em todas as circunstâncias, isso  realmente permitirá que se acelerem até mesmo além daquilo que imaginaram impossível. Eu lhes garanto.

Bem, eis agora uma outra ideia para uma outra técnica que é dupla em propósito. Número um:  vai agir sobre o equilíbrio e a integração dos diferentes fragmentos da personalidade, como foi discutido na primeira parte dessa aula e também vai lhes conferir um exercício relativo à ideia de simplesmente dar a informação a partir de um estado puro de canalização ou ao que tipicamente é referido como “vocalização e diálogo” consigo próprio. Essa seria a forma que recomendaríamos que vocês seguissem. Quero dizer mais uma vez que existe um alto nível de “treinamento bobo” nisso tudo, mas que de todo jeito, faz parte do “charme”…

Assim a outra técnica que vocês poderão usar é a seguinte: Peguem 2 cadeiras e coloquem uma de frente para a outra; sentem-se em uma das cadeiras como se tivessem encarando uma pessoa sentada na outra cadeira. Por exemplo (há muitas formas de fazer essa técnica), perguntem, como se tivessem realmente falando com outra pessoa, entidade ou fonte de informação, de onde a informação viria, façam sua pergunta, entrem em um diálogo com essa outra parte ou façam uma afirmação que esperem algum tipo de confirmação ou resposta, que sintam ou acreditem que seja a resposta para sua afirmação. Façam uma pergunta, por exemplo, e então literalmente levantem-se, dêem a volta e sentem na outra cadeira e a respondam. Vocês se surpreenderão com a frequência com que conseguirão fazer isso. Vão e voltem. E enquanto avançam, voltem à primeira cadeira, façam outra pergunta, dêem a volta, sentem-se na outra cadeira e a respondam, a discutam ou façam da forma que preferirem. De alguma forma, isso é aquilo a que muitos chamam de “técnica de atuação” pois se “entra no papel”, se “entra na atuação”, o que pode ser verdade, em algum nível. A forma real de  atuar seria essa, uma forma de canalização, pois literalmente vocês se tornam uma pessoa, vocês se tornam aquele papel e permitem que a sua personalidade  se desloque dentre uma miríade de fragmentos, átomos de personalidades que poderão existir dentro de vocês. Então, de todo modo, usem esse método, não só para harmonizarem fragmentos de personalidades diferentes de forma mais homogênea e coesa dentro de si mesmos, mas também como uma forma de lhes trazerem a prática para entenderem tanto a forma espontânea de descobrir acessos a informações que nunca pensaram como também um exercício mais estruturada da ideia de canalização em outro ser. Porém poderão descobrir muito mais ideias ou fragmentos de personalidades dentro de si mesmos que nunca pensaram que pudessem existir.

É uma técnica muito divertida, então façam bastante uso dela. Eu novamente garanto que ficarão muito surpresos com a frequência com que retornarão com a resposta imeditamente, se a fizerem muito rapidamente. Assim, se quiserem escolham a pergunta e então vão e voltem, vão e voltem nas cadeiras, falando consigo mesmos, que será uma técnica muito boa para se aprender com ela.

Agora, um outro exercício de energia.  Este foi especialmente designado para funcionar como um mecanismo de expansão de energia. Os maiores efeitos desse exercício poderão se tornar aparentes ou não, porém acreditem que se fizerem isso descobrirão que se tornarão muito mais expansivos em relação aos seus sentidos e habilidades de acessarem energia e informação e em relação à habilidade de se expandirem energeticamente em suas vidas.  Entretanto, devemos dizer, na sua língua, que é um exercício muito extenuante e intenso, então preparem-se para ficar tontos…Estão confortáveis?

E se não conseguirem fazê-lo imediatamente, não tem problema, pois como vocês dizem, pegarão o jeito. E se com o tempo, sua imaginação achar apropriado mudar alguns dos componentes de todos esses exercícios, acreditem nela e deixem rolar, porque é a chave da sua vibração, ela sabe o que está fazendo, acreditem enquanto sentirem que estão realizando sua essência básica. Deixem rolar.

Por ora, faremos uma sugestão para realização deste exercício: façam o melhor que puderem para seguir à risca as instruções. Sim, será muita coisa para apreender, e sim pode ser que vocês se sintam um pouco perdidos,  um pouco desorientados e meio tontos, mas saibam que esse é o propósito, ou pelo menos um dos propósitos.

Então, lá vai: exercício de energia xyz ( é o nome dele).

Relaxem, fechem os olhos, inspirem profundamente …vocês já sabem essa parte.

E imaginem que vocês estão sendo preenchidos por uma vibração vermelha…relaxando o seu corpo….pela vibração verde…relaxando sua mente…pela vibração azul…relaxando seu espírito…e todas as questões assim chamadas “mentalidade”, “emocionalidade”, “processos de pensamento”…deixem todas as suas preocupações irem-se embora….entrem no seu Lugar de Perfeita Paz…vocês se lembram onde fica….vocês se lembram como é…fiquem no seu Lugar de Perfeita Paz pois é partir dele e estando nele que vocês serão capazes de realizar qualquer coisa…então fiquem lá…fiquem aqui, mas estejam lá…

E agora, neste seu Lugar de Perfeita Paz imaginem o seguinte: imaginem, se quiserem,  onde vocês chamam  área do  plexo solar, logo abaixo das costelas, imaginem que existe, logo ali atrás, no centro do seu corpo, logo ali naquela área, no centro do seu corpo, uma bola de luz muito brilhante e muito branca que faísca — vocês se lembram de uma estrela– ali está ela, bem no centro de vocês e ela contém tudo, todos os domínios diferentes que vocês exploraram, os amigos, ela contém tudo agora, essa maravilha, esse pacote de energia que é a sua essência, a sua consciência, sua sabedoria, suas intenções, essa concentração que é você, essa vida, essa estrela que é você. Está lá, vocês a sentem dentro de si.

Imaginem agora, enquanto estão lá sentados, ou mesmo deitados em seu Lugar de Perfeita Paz que essa bola de energia cresce, cresce, cresce tão intensamente que explode em feixes de luz, feixes de luz laser vindos de dentro de vocês e se expandindo até o infinito, rápidos como tiros, saindo de vocês como feixes de luzes brancas, brotando de seu peito em direção ao infinito, se expndindo…são feixes de luz, mas também são elásticos, de certa forma. Assim, enquanto eles se expandem até onde imaginam ser o infinito, vocês descobrirão finalmente que ele vai indo mais devargar após alcançar o infinito, vai parar como se fosse um grão sólido e então retornará em sua direção rápido, cada vez mais rápido, desde os confins do infinito até vir de encontro ao seu peito — BANG! Na parte de trás, vindo do infinito. Um feixe de luz na parte de trás agora, direto para o infinito, cada vez mais longe, longe, longe, longe. Até que também começa a desacelerar, pára e então retornar rápido, rápido, muito rápido até que de novo colide com suas costas, em direção à frente

(Fim da parte 21. Continua…)

Tradução minha, Flávia Criss em Abr/2010.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s