Conversando Sobre Helmut Lammer

Pois muito bem! Eis-me aqui novamente com um post de arrepiar todos os fios dos nossos cabelinhos dos braços de pura emoção! Já aviso que é um assunto que não deve nos causar medo, mas sim alívio posto que as descobertas estão emergindo, límpidas, claras e iluminadas!

Querido leitor, estamos vivenciando tempos magistrais em que as máscaras estão caindo tão rapidamente, que juro pra você que quando termino de escrever um post, ação que geralmente me toma 2 ou 3 dias (é que eu escrevo à noite geralmente e/ou nas brechas dos horários que tenho livres), algo novo já ocorreu e imediatamente tenho que redigir outro sobre o acontecido.

Hoje venho aqui lhe trazer algumas provas documentais sobre o assunto que examinamos no post I Want to Believe – Parte 1em que, se você se lembra, discutimos a possibilidade bem real da ocorrência de uma simulação de um ataque ao nosso planeta, provavelmente confeccionada pelo staff do Secret Space Program (Programa Secreto Espacial), em que extraterrestres e naves fabricadas com grandeza hollywoodiana encenariam uma invasão alienígena de fazer inveja a Orson Welles. Então se liga, pois nessa introdução eu reúno duas informações cruciais para a nossa conversa: o ataque alienígena fake alertado pelo Dr. Greer e o Secret Space Program, mencionado no post passado.

Nós iremos destrinchar o máximo que pudermos as duas informações cruciais apontadas, à luz da literatura que tenho em mãos e dos sites em que ando pesquisando atualmente, um trabalho que venho desenvolvendo já há 9 anos, porém na surdina até então.

Meu maior intuito, no início dos meu estudos, foi analisar o que existia de fake na Ufologia de então. Porém, novos rumos como o projeto Disclosure e o fato de eu ter avistado várias naves (em breve escrevo sobre minha experiência com avistamentos de naves no deserto com o Dr. Steven Greer e seu grupo, aguardemmmm) encheram-me os pulmões de ar e o peito de confiança e entendi que chegou a hora de vir a público com as minhas constatações e é isso que tenho me proposto a fazer ultimamente.

Pela minha experiência em discutir esses assuntos com amigos e conhecidos, percebo que o que mais espanta as pessoas é saber da existência de um Programa Secreto Espacial que se situa além das fronteiras das hierarquias militares dos governos mundiais e cuja função básica é a de realizar operações escusas e anti-éticas de todas as ordens com seres humanos ou não-humanos. Se eu fosse atribuir uma imagem ao SSP (Secret Space Program), usaria o livro/filme O Retrato de Dorian Gray, de Oscar Wilde, está lembrado? Se não, pode ser resumido assim: por fora, bela viola, como a maioria das coisas aqui onde moramos nos EUA: cidades sem mendigos, sem cachorros ou gatos de rua, sem pobreza ou discriminação aparentes. Massss….. por dentro desse programa, pão bolorento, de muito preconceito e crueldade.

Já que abrimos as preliminares, vamos agora a alguns fatos.

HELMUT LAMMER

Primeiramente, vamos conhecer o indivíduo mencionado no título, Helmut Lammer: ele é o representante austríaco para a Rede Mútua OVNI, é membro da Sociedade para Exploração Científica, além de ser também membro da União Astronômica Internacional (IAU) e da Academia Austríaca de Ciências, mais especificamente filiado ao Instituto de Pesquisa Espacial.

Lammer divide a autoria de dois outros livros com Oliver Sidla: Eles são um Segredo OVNI (Herbig: Munique, 1995); OVNI, Encontros Imediatos (Herbig: Munique, 1996), além de ser o autor do livro exibido acima, que versa sobre o Laboratório Militar responsável pelas abduções de seres humanos (MILAB), onde trabalhou Corey Goode.

Pois sim, Lammer foi também um dos informantes que entrou em contato com o Dr. Steven Greer/CSETI por e-mail em Fevereiro de 1999, com o intuito de alertá-lo sobre as atividades do MILAB que, segundo ele, deveriam ser reveladas à grande massa da população.

Traduzo abaixo este documento, constante do livro do Greer que tenho agora em mãos:

Caro Steven,

Vou lhe enviar hoje uma cópia do manuscrito do MILAB (Abduções Militares) para a sua apreciação.

Você verá que os renomados pesquisadores sobre abdução terão problemas se ignorarem o MILAB no futuro ou se tentarem ridicularizar esse importante aspecto!

Até agora, o CSETI foi a única organização que traz informações sobre os envolvimentos secretos e etc nas abduções alienígenas. A hipótese do Prof. Jacob sobre os híbridos alienígenas que teriam interrogado pessoas abduzidas na base militar é ridícula.

Olhe, somente o Hopkins, o Jacob e o Mack são os responsáveis por mostrarem para todo o globo o fenômeno da abdução alienígena. E eu sei que eles também têm casos do MILAB em seus arquivos, mas os ignoram! Não vou especular os motivos para isso, mas existem duas possibilidades:

Primeira: eles adotam a visão dogmática mundana sobre as abduções alienígenas e preferem ignorar todos os casos que não se enquadram nessa visão ou

Segunda: eles estão trabalhando para o programa secreto.

Tenho certeza de que o Hopkins, o Jacob , o Alexander e os demais atacarão nossa investigação, porém os abduzidos, que são as pessoas que presenciaram esses encontros, nos defenderão! E conseguiremos cada vez mais registros.

É problemático que o programa secreto que está por trás disso seja tão poderoso. Eu fui entrevistado no ano passado em Londres para aparecer em um documentário sobre as abduções alienígenas a ser realizado por uma firma Britânica, que produziu um filme para o Discovery Channel dos EUA. Eles também entrevistaram Hopkins, Jacob e etc. lá nos EUA, e depois me entrevistaram em Londres a respeito de provas militares. A entrevista foi bem e tudo estava okay. Dois meses depois, recebi um telefonema do produtor que me disse que eles foram avisados pelo pessoal do Discovery Channel que o canal só pagaria o documentário se a minha entrevista fosse censurada, pois eles não queriam a questão do exército nele incluída!

Você entende como isso funciona. As pessoas comuns vão assistir às opiniões de Jacob e dos outros, todos indicando que existe uma ameaça alienígena…e eles não vão contar a história toda! Isso é o controle de massa através da TV!!! Você sabe como é.

Tive uma experiência similar na Alemanha, quando fui entrevistado para falar de implantes e a entrevista foi censurada minutos antes de ser apresentada na TV.

Isso significa que o pessoal comum da indústria de filmes e os jornalistas menos proeminentes acham o assunto interessante, estarrecedor, importante e etc, mas o chefões recebem ordens para censurar todas as conversas esclarecedoras…Eu sei que a mídia é controlada, mas o que acho interessante é que o MILAB, o controle mental e os implantes devem ser mesmo um assunto muito delicado para eles!

Pode se tornar um perigo para o assim chamado “mundo livre” deixarmos essas pessoas esconderem do grande público todas essas informações!

Saudações,

Helmut

Pois bem. Lammer também é autor de um texto intitulado Preliminary findings of Project MILAB: Evidence for Military Kidnappings of alleged UFO Abductees (Descobertas Preliminares sobre o Projeto MILAB: Provas de Seqüestros Militares em Supostas abduções por OVNIs) que consegui encontrar na internet através de minhas pesquisas, o qual deixo disponível aqui, em Inglês, para você 🙂

Mas deixa eu te explicar uma coisa: este texto mencionado seria o precursor do arquivos sobre o MILAB que Lammer promete enviar para o Dr. Greer no e-mail que traduzi para você, entendeu? Por isso trago-o aqui, para entendermos o contexto de toda a discussão.

HÁ PROVAS

As abduções por OVNIs sempre foram um assunto polêmico e complexo, desde o lançamento do filme Contatos Imediatos do Terceiro Grau, de Steven Spielberg, no final dos anos 70. Para certa parte da população, especialmente os céticos, é mesmo muito difícil de acreditar que as abduções por aliens sejam reais e que aconteceram/acontecem frequentemente.

Segundo o texto de Lammer, existem inúmeros registros de relatos certamente inacreditáveis de aliens invadindo os quartos das pessoas, quebrando paredes, fazendo levitar seus alvos e os trazendo para a nave que flutua lá fora. No entanto, alguns pesquisadores e cientistas renomados já demonstraram que o fenômeno da abdução por OVNIs não pode ser explicado como sendo meras alucinações ou delírios psicóticos de indivíduos problemáticos.

Essa constatação, aliada às mudanças nos relatos de vários abduzidos, nos fazem olhar o assunto de uma outra maneira: começaram a aparecer, já na década de 90, registros de relatos de abduções de pessoas por agentes da inteligência militar (MILAB) que os levaram para hospitais e/ou instalações militares muitas vezes descritas pelos abduzidos como subterrâneas. Arquivo X total, concorda?Eu também acho. Só que essas abduções militares aconteceram e ainda acontecem, amigo leitor, e a questão é: ninguém da mídia oficial quer falar sobre isso.

O mais desconcertante é o fato de que os abduzidos se lembram de terem visto agentes da inteligência militar trabalhando lado a lado com aliens verdadeiros nessas instalações secretas. Chocante, sem dúvida, apenas imaginar essa situação, não é verdade?

Pois o que tem acontecido é que os cidadãos descrentes ou duvidosos sobre a existência de aliens, ao tomarem conhecimento desses fatos, os consideram alucinações da ordem das Teorias da Conspiração.

Mas, porém, contudo, já existem pesquisadores do campo do controle da mente, como Martin Cannon, que apontam que esses casos registrados figuram como prova de que o fenômeno de abdução por OVNIs podem também se tratar de encenações confeccionadas por esse pessoal da inteligência, a fim de acobertar suas práticas e testes ilegais com vários seres.

No entanto, outros pesquisadores no campo da abdução que também realizam estudos de vanguarda preferem não olhar para os casos militares, uma vez que esses representam uma menor porção dos abduzidos.

Para Lammer, os casos registrados de abdução por aliens ou por militares são extremamente importantes por duas razões: 1) se a comunidade OVNI tiver provas de que a força-tarefa secreta da inteligência militar está envolvida com a abdução de pessoas, saberemos que esse fenômeno significa assunto de segurança nacional e vai precisar ser acionado; e 2) o envolvimento militar na abdução de pessoas poderá figurar como prova de que os militares estão usando os abduzidos em suas experiências de controle mental para testarem suas armas de microondas ou ainda, prova de que os militares estariam monitorando e até mesmo sequestrando os abduzidos para coletarem informações a respeito do que acontece antes, durante e depois das reais abduções por aliens.

Mas foi exatamente por causa da resistência por parte do Congresso Americano em ouvir os pesquisadores do fenômeno e os próprios abduzidos que o professor Helmut Lammer criou o Projeto MILAB e documentou suas descobertas sobre o assunto. Aliás, MILAB, na verdade, é uma abreviação da expressão Military Abductions (Abduções Militares), que faz uso de instalações secretas para a realização de suas grotescas experiências.

As pesquisas de Lammer são extremamente significativas porque ele estudou toda a literatura relevante sobre o assunto, conversou com pesquisadores importantes que investigam OVNIs e controle mental, entrevistou pessoas abduzidas através do MILAB e vítimas de estratégias de controle mental oriundas do mundo todo, além de ter comparado suas descobertas com os seguintes documentos: o compêndio Abductions Study (estudos sobre abduções) do renomado pesquisador Thomas Bullard; o MUFON Abduction Transcription Project (Projeto de Transcrição de Abduções do MUFON=Mutual UFO Network) e os procedimentos de abdução do MIT (MIT Abduction Proceedings).

Deixo todos os links anexados como hiper-texto para você comprovar a existência desses documentos e se puder, dar uma lidinha neles, combinado? 🙂

No próximo post falaremos sobre: a presença de helicópteros militares nas abduções; como acontecem as abduções; a questão dos implantes humanos; os cenários de realidade virtual e as microondas; as viagens para outros mundos e as instalações subterrâneas.

Um beijo, um abraço e um aperto de mão e até o próximo post!

Flávia Criss,

San Francisco Bay Area.





Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s