Prática de Mudança Vibracional (Abraham)

Abraham ensina que as nossas emoções são essenciais para o controle consciente de nossa própria experiência de vida e por esse motivo são também essenciais para a manutenção de uma experiência de vida prazeirosa, como nós todos queremos, não?

Da mesma forma que não queremos apenas amortecer nossos dedos para que não sintam mais uma queimadura eventual, não queremos mascarar nossos sentimentos, apenas, para fingir que nos sentimos diferentes. Fingir dessa forma não muda absolutamente nada nosso ponto vibracional de atração.

A única forma de mudarmos nossos sentimentos é mudarmos primeiramente nossas ofertas vibracionais ( vibrações que oferecemos ao Universo, que fazem com que atraiamos coisas e situações para a nossa vida). Mas como concentrar nossa Energia para mudarmos estas ofertas vibracionais, se elas se tornarem indesejáveis em nossa experiência?

Abraham ensina que quando nos lembramos de um incidente do passado, estamos concentrando  Energia ali. Quando imaginamos algo que possa acontecer no futuro, também estamos concentrando Energia ali, assim como acontece quando observamos alguma coisa em nosso tempo presente. Então, não faz a menor diferença se concentramos nossa Energia (atenção) no tempo passado, presente ou futuro, uma vez que é o nosso foco de atenção ou concentração que oferece a vibração que se torna  nosso ponto de atração.

Quando pensamos, lembramos ou imaginamos as coisas, uma vibração dentro de nós é ativada, e se retornarmos àquele pensamento, reativamos aquela vibração. Assim, se revisitarmos  mais frequentemente aquele pensamento,  mais familiar se torna a vibração e dessa forma se torna cada vez mais fácil para nós reativá-la, até que se torne uma vibração dominante dentro de nós. Como é um ponto de destaque em nosso padrão vibracional, as coisas que são compatíveis com essa vibração começam a surgir em nossa experiência de vida.

Dessa forma, Abraham ensina que existem dois modos infalíveis para compreendermos de uma vez por todas qual está sendo a nossa oferta vibracional no momento:  Primeiro, perceber o que está acontecendo em nossa experiência (já que estamos focados nela e o que está se manifestando é apenas aquilo que é compatível com tal vibração); depois então perceber como estamos nos sentindo (pois nossas emoções nos dão um feedback constante em relação às nossas ofertas vibracionais, bem como em relação ao nosso ponto de atração).

Devemos estar sempre conscientes para criarmos (atrairmos) as situações que desejamos por vontade própria.

(Fonte: Esther & Jerry Hicks, Ask andIt is Given. Hay House, 2004. Tradução minha)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s