EU ME LEMBRO

11 de novembro de 2011, às 11:11 GMT

 07:11 da manhã, no horário de Brasília

No dia 11 de novembro de 2011 às 11:11 Hora de Greenwich (GMT) nos uniremos como um corpo coletivo de energia de todos os cantos do mundo para meditar simultaneamente por uma hora (60 minutos). Este evento será uma celebração incrível para toda a humanidade.
Para sincronizarmos mundialmente, cada local iniciará a meditação Ative a Rede (Fire the Grid) no horário equivalente de Greenwich (GMT – 11:11). Veja a tabela mundial em: http://www.firethegrid.com/eng11/clock.htm

Ative a rede I: O Plano

“Esculpir o seu papel e alcançar os céus
Tudo que você pode ser, o que você sonhou
Saiba que o céu vai entregar. “- Bradfield


Como muitos de vocês já sabem, em novembro de 2002, meu filho de 4 anos de idade e eu caímos de carro numa área alagada de Nova Scotia, no Canadá e afundamos. Durante a minha experiência de quase morte fui visitada por grandes Seres de Luz, que partilharam comigo a antiga sabedoria e as verdades de quem somos como seres humanos e qual o nosso verdadeiro potencial neste planeta. Eles compartilharam comigo o saber e a compreensão do nosso real corpo energético e como podemos usar esta energia para a cura e uma vida melhor. As instruções que compartilharam trouxeram meu filho de volta, que tinha ficado submerso na água por mais de 27 minutos. Foi declarada sua morte cerebral, mas seguindo as instruções dadas a mim por estes grandes Seres de Luz, meu filho está agora com 12 anos feliz e saudável. Eles me instruíram no uso de energia para sua recuperação, em seguida, seis meses depois, eles voltaram com mais instruções. Eles disseram: “o que você fez com um menino moribundo e um pequeno grupo de pessoas você pode fazer para um planeta moribundo e um grande grupo de pessoas”. Mais uma vez eu segui as instruções. Então, em 17 julho de 2007 às 11:11 GMT, a meditação, a maior do mundo em massa, foi realizada com uma estimativa de vários milhões de pessoas em mais de 80 países participantes numa meditação programada para trazer a nossa energia humana de amor ao planeta para a cura do nosso mundo.

Quem são esses grandes Seres de Luz? Eles querem que nós os conheçamos como apenas isso, Seres de Luz. Eles são a essência de toda a vida em nosso universo, a essência dos grandes profetas, anjos, todos os outros seres que vieram à Terra com mensagens de esperança para um futuro melhor. Na verdade, eles são a essência do que você e eu somos. Por dentro de nós, são estes grandes Seres de Luz. Nós também somos da mesma energia que estes belos seres e temos um tremendo poder, o poder da mudança de nós mesmos e nosso mundo. Coletivamente, temos o poder de manifestar que necessitamos e desejamos criar um mundo de alegria e abundância para todos nós. Aprendemos sobre isso através de diversas formas ao longo dos últimos dez anos. Agora é a hora de nos unirmos e manifestarmos com o intuito não só individual, mas para o coletivo do planeta.

A primeira meditação começamos a nos tornar condutores de uma energia que vem do Infinito Brilhante, a nossa origem e nosso Criador. Nós mudamos a energia através de nossos corpos humanos, através do uso de nossos corpos de energia, canalizando-a através de nós mesmos em direção à terra. A energia desceu pela camada de água, circulando ao redor da Terra durante um ano antes de vir para descansar em uma crosta de cristal maciço no Brasil. Após a conclusão de sua jornada, tornamo-nos transmissores da energia Ative a Rede (Fire the Grid II) com retorno facilitado à Fonte. Uma massa coletiva de seres humanos participou, transformando energia mental e do coração de forma consciente e amorosa, com a intenção de cura para todas a vidas na Terra.

Estes seres de luz vieram novamente com instruções finais para ajudar a humanidade a curar a si mesma e o nosso planeta. Este evento humano a ser conhecido como Ative a Rede I (Fire the Grid I). Como podem ver é uma contagem regressiva para nós: III, II e I. Cada Ative a Rede (Fire the Grid) vem de um lugar de maior conhecimento e as instruções são destinadas a nos ajudar com a grande mudança que está acontecendo na Terra neste momento. Estamos entrando em um novo tempo que a humanidade ainda não tinha visto. Há uma transição que está acontecendo e vai continuar a acontecer durante esses próximos anos. Esses grandes Seres de Luz desejam nos ajudar com essa transição. Não diferentemente de um pai segurando a mão de seu filho enquanto ele se aventura em algo novo, estes Seres desejam segurar a nossa mão enquanto transcendemos para aquilo que nós sempre soubemos em nossos corações ser verdade. Eles pretendem segurar nossas mãos enquanto nos tornamos seres superiores.

Mais uma vez as instruções dizem respeito a nos unir como um todo. Disseram-me para compartilhar com vocês que devemos “nos unir em nossas semelhanças ou vamos nos desintegrar as nossas diferenças.”. Me foi passada a terceira e última data: 11 de novembro de 2011. A hora do grande encontro será 11:11 GMT. As instruções dizem para nos reunirmos por uma hora como um povo com grande amor em nossos corações, com uma mente coletiva para se tornar uma grande força. Essa grande força, então, carregará o campo da terra e nos tornaremos grandes programadores de um novo tempo.

Vou explicar. Estamos entrando em um campo de energia em nosso cosmos nunca antes visto. Esse campo de energia é totalmente programável e serão programados quer participemos conscientemente na sua programação ou não. Qualquer campo de energia humana estará mais proeminente no dia e hora que será o ponto partida para a próxima fase da nossa evolução como seres humanos. A energia estará realmente disponível para nosso uso e ativa por 28 horas com início às 19:00 GMT de 10 de novembro e se estendendo até às 23:00 GMT de 11 de novembro. No entanto, o momento mais influentes durante esse tempo terá lugar 11 de novembro às 11:11 GMT. Durante esse tempo, o campo que estamos entrando se fechará atrás de nós e seremos empurrados a um novo campo. Não importa qual energia humana tivermos nesse momento, ela vai ditar a carga permanente o novo campo da terra e será o nosso ponto de partida para a viagem que um novo tempo.

Vou explicar melhor. Imagine que você joga um ovo em uma gelatina meio endurecida. Como o ovo vai afundando para o centro da gelatina, ela vai se solidificando sobre o ovo e então o ovo ficará completamente submerso em um novo campo. Nós somos como o ovo entrando em um novo campo de plasma. Esse novo campo de plasma é como a gelatina. É uma densidade diferente, então o campo da terra em que vivemos agora, assim como o ovo que deixa o ar e entra a densidade da gelatina. Assim que o campo envolver a terra, estaremos inseridos nesse novo campo. Esse novo campo nunca foi energizado, é puro e livre de padrões estabelecidos, que existem em nosso campo atual. É uma grande oportunidade para nós como seres humanos para programar o campo e obter um salto para o próximo estágio da humanidade. Não podemos sustentar o campo atual em que vivemos pois a densidade alcançou uma massa crítica e há muita inquietação. Mostra-se na inquietação do planeta e seus habitantes. Felizmente para nós, um novo campo se apresenta, neste momento decisivo nós temos uma nova chance para fazer isso direito. Uma oportunidade para fazer esse novo campo como escolhemos ser.

Como já afirmei, o campo será programado quer participemos conscientemente ou não. Isso quer dizer que se não fizermos nada, o novo campo de energia será carregado com a energia de maior destaque da terra naquele momento. Agora, o campo da terra é muito denso, carregado com as emoções de medo, desconfiança, cobiça, raiva, ódio e separação. Se não fizermos nada, essas emoções serão as emoções com as quais o novo campo será carregado. Ou então, podemos nos unir por uma hora e, conscientemente, escolher como queremos carregar o campo. A fé de um crente verdadeiro tem a energia de mil e nós somos poderosos em nossa posição, pois há muitos de nós que deseja um mundo novo e diferente, ao entrarmos neste novo tempo.

Agora é a hora de nos unirmos e tornarmos um campo. Unir como um só povo, um só coração e uma só alma e com uma intenção de criar um amoroso mundo sustentável. Não só para nós mesmos agora, mas para nós como uma espécie para as gerações vindouras. Temos de tornar a ser novamente o que pretendíamos quando chegamos a este planeta. Devemos tornar a ser seres de luz em forma humana como desejamos. Devemos nos lembrar quem somos, a fim de tornarmos grandes seres que conscientemente mudarão o mundo. Eu uso a palavra dever, mas na realidade não existe obrigação, apenas desejo. Se optar por não fazer nada, o mundo continuará sem nossas amorosas intenções positivas. No entanto, com os nossos pensamentos de amor sincero, não só somos capazes de manifestar o que precisamos para transformar o mundo, também podemos inserir o nosso desejo pessoal de alegria.

O que isso significa? Isso significa que depois de ter destinado as coisas essenciais para a terra, tais como ar e água limpos, terra limpa e próspera, moradia ampla, o calor amplo, amor, alegria e abundância para todos, depois de ter manifestado o melhor para a terra e seus habitantes, nesse ponto você pode adicionar seu próprio tempero. O que te traz alegria? O que você quer ver continuar na próxima era da humanidade? Trazer a sua própria alegria humana no programa significa que, se você acha que sorvete é a melhor alegria do planeta, que haja uma abundância de sorvete disponível na próxima era. Deseje para toda a humanidade, não apenas para si mesmo. Lembre-se de suas intenções virem da energia do coração, que é a energia que faz unir as coisas. Faça as maiores alegrias humanas disponíveis para todos, para que todos possam experimentar a alegria que escolhermos. Tudo está na escolha.

Atualmente vivemos em um mundo de nossa escolha. Nós criamos os sistemas em que vivemos. Nós manifestamos a circulação de dinheiro. Podemos “impensar” o sistema atual e trazer abundância para todos. A Terra tem o suficiente para todos nós.Temos de optar por mudar as nossas mentes, abrindo nossos corações, a fim de escolher o nosso novo mundo. A mudança vem através de pensamentos positivos, pois, esses pensamentos tomam forma em nosso mundo. Não posso expressar tudo, mas os pensamentos que temos devem vir do coração com a grande intenção de manifestar aquilo que é melhor para todos. Aquilo que não nos serve mais pode ser alterado simplesmente através do pensamento. Nós não criamos a nossa atual situação em um instante nem vamos alterá-la em um momento, no entanto, o primeiro pensamento positivo nos impulsiona para o próximo pensamento positivo e assim por diante.

Uma vez que programarmos nosso novo campo, será mais fácil para criar o que precisamos e desejamos para um planeta melhor. O novo campo vai abrir novas maravilhosas oportunidades para cada um de nós. Nós simplesmente mudamos o foco da nossa mente e nos distanciamos dos que não nos servem. “Ver um outro mundo, muito semelhante a um reino encantado, espalhando com visões …”, como Bradfield tem escrito e, em seguida, “olhar para si mesmo do céu.” Criar este mundo, todos ao criar a pessoa que veio aqui para ser. Sejam os sonhadores que sonham ser a realidade. Nós, como seres humanos temos criado desde a aurora dos tempos. Agora é hora de criar a partir de uma forma segura, presente e consciente.

Tudo começa com o carregar de energias do campo da terra, ao entrarmos em uma nova era. Tornamo-nos um campo de força unida em torno de nossa terra, emanando energia de amor de dentro de cada um de nós. Não precisa de nada além de nossa  atenção e uma hora de nosso tempo. Há muitas maneiras de partilhar as suas atenções e intenções com o mundo e eu vou compartilhar esses mais tarde com vocês. Agora é a hora de nos unirmos. Compartilhe esta informação com o mundo. Diga a seus familiares e amigos. Vocês são a grande rede social. Vocês são todos grandes manifestantes e grandes criadores. LEMBREM-SE!

A internet e a mídia são as suas ferramentas. Partilhe a oportunidade com os outros.Tornem-se um só povo, tornem-se um campo de energia e sejam a mudança que vocês estavam esperando. Agora é a hora de transformar seu poder pessoal em poder coletivo. Mude sua mente e ajude a mudar o mundo. Em um nível humano, apenas escolhendo coletivamente vocês podem mudar qualquer coisa. Vocês têm visto isto ser feito muitas vezes. Martin Luther King mostrou a maneira, como fez Gandhi, Nelson Mandela e outros grandes homens da verdade. Uma idéia e muitas mentes.Uma vez que a ideia foi lançada, ela pegou e e movimentou-se por si mesma. Muitos se envolveram e coletivamente insistiram na mudança. A mudança aconteceu e, juntos, mudaram o mundo. Já aconteceu várias vezes e o tempo chegou mais uma vez para escolhermos coletivamente e mudar o mundo em que vivemos, a mudança para si mesmos e àqueles que virão: nossos filhos e os filhos dos filhos.

Veja um outro mundo e, em seguida, seja a força dessa mudança. Tudo começa com a intenção bem definida em 11 de novembro de 2011, às 11:11 GMT (NT: horário de Greenwich -Londres. Horário de Brasília, -3h, centro-oeste e norte, -4h). Sem dinheiro necessário, sem gadgets, sem obrigações ou afloramento de culpas necessários. Apenas uma mente coletiva, carregada de um coração amoroso, mudando a maneira de pensar,  em seguida recarregar o campo de energia em que o coração está. “Deixe a pérola interior revelar o que é real.” LEMBREM-SE quem vocês são, posionem-se e mudem o mundo em que vivemos.

Meu coração mais amoroso está nisso, com todos nós.

EU ME LEMBRO
Samoiya Shelley Yates
traduzido por alexfrigeri@gmail.com do site http://www.firethegrid.com

Foto: Alice Popkorn

10 comentários sobre “EU ME LEMBRO

  1. Valéria

    Olá Flavia!Qt riso pode haver num encontro como manifestação da energia que une os seres infinitos,como ‘nossa’ querida Clarice – que ‘está no meio de nós’ – através da força,da beleza e do valor de seu trabalho – cuidado e consciência no manejo da palavra.Como linguísta vc considera a palavra fundante do sujeito humano?O laço é maior que a morte?Como dizia Fernando Pessoa,outro mestre – ‘A literatura,assim como toda arte,é uma confissão de que a vida não basta’.Mil bjs pra vc tb!

    1. Querida Valéria!

      Clarice é uma bênção…foi através de seus textos que eu descobri como olhar a vida!
      Divina…perfeita…
      Como Linguista, querida, eu acho que a palavra organiza o ser humano. Não creio que seja fundadora de espíritos livres como nós, não, mas…além de organizar, creio que a palavra também cria aquilo que querems ser e vivenciar.
      E quanto a morte…ela não existe! Então sim, só temos os laços…ah sim, os laços! Ah! Que poderosos laços podemos criar!
      Fernando Pessoa é outro mestre, sim, com certeza! Assim como Neruda, assim, como Beaudelaire…IMHO.
      Beijos imensos pra vc e muito obrigada!

  2. Valéria

    Oi Flávia!
    Eu que agradeço muitíssimo! Mais uma vez vc deu aquela clareada, mt legal essa parceria da palavra com a mística religiosa – não sei se é correto chamar assim – a palavra como intrumento para o espírito criar o ser humano, o fazer humano, a obra. Ser humano parece ser mesmo pura arte. Assim como vc que aparece nessas palavras da nossa querida Clarice: “O amor já está está sempre. Falta apenas o golpe da graça que se chama paixão”. Vc é uma graça e uma querida tb. Deve ser mt instrutivo esse olhar que vc descobriu através dos textos da Clarice, eu tb trabalho com a palavra e, no momento, meu campo de investigação é o campo escópico.
    Agradeço mais uma vez por sua generosidade, e tb a nossos mestres pela alegria do encontro.
    Imensos beijos pra vc tb!

    1. Queridíssima Valéria,
      Vc me faz muito feliz toda vez em que me escreve! É uma verdadeira “bênção” poder partilhar um pouco de Clarice com alguém que oferece tanta delicadeza em palavras…obrigada, obrigadíssima sempre!
      Acredito sim que o ser é pura arte, e o “humano”….seria a parte a ser lapidada — se assim se quisesse — para oferecer mais direta luz.
      Clarice, na verdade, me nubla a ideia (ou a mente) para que eu me procure melhor “por dentro”, entende? Aquela palavra que ainda não foi dita…aquela frase aque ainda não conseguiu me definir, é isso que busco. E encontro em Clarice, no silêncio da compreensão de sua escrita sublime.
      Ah…melhor que ela, só mesmo o mar….a mais ininteligível das criaturas, que mora do outro lado da minha rua.
      Mas, mudando de perspectiva, me diga…o que é o campo escópico?
      Millllllllllll beijocas estaladas 😉

  3. Valéria

    OI Flavia!!!!!!
    A recíproca é verdadeira! É um contentamento o contato com vc em diversas dimensões. É intelectualmente estimulante e sou grata por sua generosidade em compartilhar seu conhecimento comigo, o qual dou um valor imenso pelo germe de transformação e riqueza que ele contém; é espiritualmente reconfortante, algo que me chega como um carinho veículado por sua clara intenção em ser útil, no que aliás é mt eficiente – sabe o ‘Pai olhai por nós’? É tb revigorante, suas palavras estimulam o que há de melhor em mim, e isso é realmente uma ‘benção’, algo que venho aprendendo a reconhecer, desfrutar e, sobretudo agradecer.
    E, saiba que delicadeza é uma de minhas palavras preferidas – acredito no poder das palavras, elas contém todos os segredos do universo, e nisso está o fascínio que ela exerce sobre mim, é uma forma de a luz chegar. O campo escópico é o campo da visão, tal qual ela é abordada pela psicanálise, especificamente, por Lacan no seu ‘O Seminário livro XI, no qual, pra melhor situar a psicanálise, ele navega pela ciência, pela filosofia, pela religião, pela mística oriental e tb pela arte. Na ciência por exemplo, a liguística de Ferdinand Saussere é uma de suas aliadas. A psicanálise é um dos raros saberes que não tem sua existência fundamentada na negação dos outros saberes. Aí reside meu interesse pelo olhar nos diversos campos teóricos, olhar traduzido em palavras e imagens. Como se fosse assim – o que não se pode ver não existe e a palavra, a arte fossem como um dar à luz alguma coisa. A física quântica tb já aponta isso, que é o olhar do outro que nos dá existência, daí a importância dos laços. E é preciso ter pra dar – que olhar temos para o mundo, o que damos à luz por nosso olhar? Isso que vc disse do humano ser a parte a ser lapidada – o desejo encontra a forma na matéria bruta e a visão é fundamental, ‘oferecer mais direta luz’, a figura já está na pedra, esculpir é encontrá-la. O irreverente Picasso declarou numa entrevista: ‘Eu não procuro eu acho’. Tudo está dado. Isso que vc define tão bem da sua relação com Clarice, o olhar que ela te ensinou – ‘pra que eu me procure melhor por dentro’. O inconsciente da psicanálise é justamente algo do não-realizado.
    E Flavia, é deveras intrigante vc falar do mar, tem um que mora a duas ruas da minha casa e é um companheiro de vida.
    Bjs e um forte abraço!

    1. Oi Valéria! Quanta coisa boa vc sabe fazer, escrever e pensar, menina!!!!É mesmo preciso ter pra se dar, em primeira instância…mas acredito que ao dar-se, ao fazer alheio ,simplesmente, algo que se quer ter (e às vezes não se tem ao certo), a gente acaba o tendo e multiplicando-o, vc não concorda?
      Com certeza, tudo o que já imaginamos já existe…por isso é que “achamos” o mundo, tal qual Picasso fala, esse sábio visionário.
      Eu, com certeza, amo o mar…mudei-me para perto dele no início do ano e foi uma das melhores escolhas que já fiz na vida.
      Agora, já não invejo mais os banhos matinais que o pai de Clarice os dava na praia de Boa Viagem, em Recife, quando lá eles moravam…eu já tenho essa possibilidade 😉
      Milhões de beijos pra vc…se quiser, podemos trocar mais figurinhas por email, que tal?

  4. Valéria

    Oi Flavia!!!
    Sim, concordo, claro. Vc sempre clareando as coisas pra mim. Obrigada mesmo!
    Vc vai ficar cada vez mais fofa mergulhada nesse “mar de Clarice”, que beleza para aqueles que vc inspira com suas palavras e sua energia alegre.
    Agradeço por ter compartilhado esse seu espaço comigo e desejo que receba em dobro essa inpiração que vc, aqui, veicula de graça e com graça.
    O contato com vc é sempre, além de benéfico, mt instrutivo e estimulante e, o email pode ser um espaço mais adequado mesmo.
    Mt obrigada mesmo Flavia! E, “todo amor que houver nessa vida pra vc”!
    Mil bjs e um forte abraço!

    1. Eu que te agradeço sempre a visita, as palavras, o carinho e este encontro, querida Valéria!
      Este espaço também serve para as nossas descobertas e partilhas, tá? Sempre servirá 😉
      Vc já é uma convidada mais do que especial. E o email foi só uma sugestão…não quer dizer que este cantinho ficará de lado não.
      Mil beijos e muita Luz, sempre, pra vc!

  5. Valéria

    Obg Flavia!!
    Claro, eu continuo sua visitante nesse espaço “bom demais da conta”! Além de ser uma fonte de inspiração e conhecimento.
    Apesar de não ter religião, busco entender a religiosidade e aqui encontrei um espaço mt rico porque acredito que religiosidade diz, não só do saber ou informação mas, principalmente, da capacidade de transmissão, que é o que realmente funciona, qd queremos fazer alguma diferença na vida do outro. O oprimido precisa de ajuda pra sair da escuridão e essa potência pra transmissão – uma capacidade de afetar o outro no que ele precisa, deseja – é de um valor inestimável. Busco entendê-la em todos os campos de conhecimento.
    Meu querido Freud acreditava que “a realização se deve menos ao intelecto do que ao caráter.” E vc, querida Flavia, com esse espaço, nos brinda com algo parecido com o que um poeta dizia “põe vontade no querer”. Não lembro, agora, o nome desse poeta, mas, o mais importante, é o que ele queria nos transmitir com suas palavras, e mesmo sem lembrar seu nome ele mora em meu coração. O mais importante é a obra.
    Saiba que pra mim será um privilégio o contato com vc, tb por email, mais um espaço onde poderemos compartilhar e criar mts coisas legais com esse interesse que temos pelo saber e pela obra. “Nosso cálice transborda”.
    Um beijão pra vc e que tempos maravilhosos não cessem de chegar!

    1. Valéria, querida!
      Gosto muito de seus comentários! São carregados de imagens e de poesia, um mimo só para a alma!
      Sim, a obra nos diz mais do que seu autor, porque ela prescinde dele. A obra transborda. O autor pensa que realizou algo, porém ele só indicou o caminho ao gênio — que é a obra — e ela ultrapassa os limites de seu conhecimento.

      Para mim é uma honra ter suas visitas, cara amiga.
      Mil beijos pra você e que suas ideias maravilhosas continuem aflorando!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s