Capítulo XIV – MILAGRES DE RIQUEZAS PELO PODER DAS PALAVRAS

Você alguma vez já pensou no poder maravilhoso das palavras? Pensar é falar; seu pensamento é a sua palavra. A Bíblia diz o seguinte:
– “A palavra proferida a seu tempo é como maçãs de ouro em cestos de prata” (Provérbios 25:11).
– “Palavras agradáveis são como favos de mel; doces para a alma e saúde para os ossos” (Provérbios 16:24).

Suas palavras são agradáveis de ouvir?

Ao dizer: “Não consigo melhorar. É impossível. Já estou muito velho. Que possibilidades tenho de ficar rico? Ela pode, mas eu não posso. Não tenho dinheiro; não posso compra isto ou aquilo. Já tentei, mas não adianta”, você não está usando palavras construtivas, que o revigorem ou inspirem; e mais ainda, aquilo que se traduz em palavras vem na realidade a se manifestar.
As palavras que se dizem devem ser agradáveis para os ossos, o que significa que, ao falar, a pessoa deve estimular-se, ficar feliz. A palavra ossos simboliza apoio, simetria. Suas palavras devem fortalecer e animar você.
Decida agora e diga com convicção: “De agora em diante, as palavras que eu proferir serão sempre de inspiração, de estímulo, de fortalecimento, de agradecimento e de animação para todas as pessoas e para mim mesmo”.
Como as palavras são realmente muito poderosas, é importante dizer-se a coisa certa no momento correto e, mais ainda, certificar-se de que as palavras são, em todas as ocasiões, “doces para os ouvidos e agradáveis para os ossos”.
O Dr. Phineas Parkhurst Quimby, do Estado do Maine, ressaltou há mais de cem anos que o homem primitivo procurava comunicar suas esperanças, aspirações, preferências, antipatias, receios e anseios. Seu desejo intenso de comunicação desses sentimentos e pensamentos era para com os outros homens. A primeira manifestação desse fato verificou-se através de grunhidos e gemidos, resultando finalmente na formação de palavras elementares que serviram de base ao seu vocabulário, cujo desenvolvimento se processava de acordo com a sua evolução espiritual e mental.
Como decorrência essa sua capacidade de articular pensamentos e sentimentos surgiu, finalmente, a palavra impressa, a máquina de escrever e a própria imprensa, assim como uma gama interminável de invenções visando à propagação o conhecimento, sob a forma de palavras, por todo o mundo.
Marconi decidiu enviar a palavra ao redor do mundo, sendo considerado demente por seus parentes e internado, durante certo tempo, em um hospício. Sua idéia, não obstante, proporcionou uma nova dimensão à comunicação, reduzindo o tempo e o espaço
e permitindo que, hoje em dia, se fale pelo telefone com pessoas que vivem do outro lado da terra!
Adquira desde logo consciência das maravilhas da palavra e de como utilizá-la para exaltar, beneficiar e inspirar todos aqueles com quem você se comunica.

1001 Maneiras de Enriquecer, p. 118

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s